sexta-feira, 11 de novembro de 2011

R e i k i

R e i k i



Olhos cerrados
saboreio essa candura

que faz de mim
algum papiro
partitura

sou flauta
fio condutor
sou nota nua

virei enredo
nos teus dedos

[minha cura




©Eliana Mora, 25 de setembro de 1999
In – Mar e Jardim [2003]

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Minha poesia agradece.