quinta-feira, 18 de outubro de 2012

Caminho do meio


Caminho do meio




a cicatriz que espanta

a faca de ponta
a pele a sangrar
a sede  o pão
o mar, o grão
a vaga no céu
[gaivota no ar]




Eliana Mora, out/2012

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Minha poesia agradece.