quarta-feira, 5 de junho de 2013

Atenção, Maestro!




Atenção maestro! 



Não sei fazer sonetos
redondilhas

não armo bem tercetos
armadilhas

só sei que voam
livres andorinhas

nos versos que derramo
em minhas

linhas




©Eliana Mora, 01 de outubro de 1999

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Minha poesia agradece.