sábado, 1 de março de 2014

Início e fim




Início e fim



sonho
erva-mate do delírio
ensaia
fustiga
castiga
amansa
enquanto a cabeça desliza para o lado
e o pensamento - lacrado - 
contempla

[e cai]



Eliana Mora, 27/2/14

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Minha poesia agradece.