sexta-feira, 21 de julho de 2017

Uma liga muito pessoal


Uma liga muito pessoal



A liga que se forma
aos poucos
dentro de nós
vem de outros antigos metais
junta-se ao nosso sangue
e à luz de muitas emoções
modifica-se
adorna nossos sonhos
vê a vida em prismas
e marcas escondidas

A liga que nos forma
é muito antiga
mas cada um de nós
[mestre em transformações]
altera pouco a pouco
seu modelo
para que sempre sempre

possa definir-se 
mais

possa brilhar 

melhor



Eliana Mora, 15/7/2017

2 comentários:

  1. Somos um material estelar, de enorme adaptação e modificação. Teus versos me fizeram muito pensar, Poeta!

    ResponderExcluir
  2. A ti só posso dizer, poeta, que é uma benção ouvi-lo!

    Abraços, Emmanuel!

    ResponderExcluir

Minha poesia agradece.