sábado, 17 de abril de 2010

À procura de uma flor


À procura de uma flor



flor no vestido
apenas uma idéia que apareceu
uma idéia podemos dizer
romântica
ou porque naquele vestido negro
é o que fica melhor

um lírio
da cor de uma pérola pode ser pedir demais
mas parece completar a atmosfera
combina com a cor da pele
e um quê de temperamento lírico

como meu próprio jardim
ainda não há por aqui
vou sair à procura de uma flor
quem dera [jamais é ruim sonhar]
esta flor se parecesse com teu canto
ou quem sabe
com belo dedilhado de viola que tu fazes

bem
deixemos isto de lado
preciso achar uma flor
[que pareça de verdade]
para 'compor' parti/tura
de vestido

inacabado




Eliana Mora, 15/04/2010
poema Naïf

4 comentários:

  1. uma flor
    nunca tente esperar dela
    apenas sua condição de flor

    ResponderExcluir
  2. jamais
    de nenhuma ser vivente
    podes querer tal coisa

    desculpe-me!
    mudei de cidade
    depois aviso tudo [ao poder voltar]

    bjs
    El

    ResponderExcluir
  3. Poema quintessência. Há mais que flor, há entrelinhas e um bouquet na flor que transcrende.

    abraço

    Gostei tanto...

    ResponderExcluir
  4. Mai

    Estou aqui meio 'perdida' de todos vcs, na Lan House em Juiz de Fora, não sabes o BEM e a ALEGRIA que tuas palavras me deram - incontidas lágrimas caem aqui,silenciosas, em meu rosto.

    beijo,
    até breve!!!!!!!!!

    El

    ResponderExcluir

Minha poesia agradece.